Quarta-feira, 30 de Janeiro de 2008

O REBANHO



Voltamos a falar mais uma vez dos saudosos anos 80 com esta bela foto enviada pela Rosa Rente desde França ao qual desde já agradecemos o seu envio para o post de hoje. A foto retrata um tempo no qual ainda existiam vários rebanhos de ovelhas espalhados um pouco por toda a aldeia.


Os mesmos eram uma fonte importante de rendimento das famílias desde o leite à lã à própria carne do animal. Era geralmente na Pascoa que a sua procura era maior como é ainda alias nos dias de hoje devido à sua tradição, se bem que varias vezes por ano era possível ver pendurado nas tascas a carne já devidamente dividida em porções previamente estudadas.


Infelizmente nos dias modernos já não à quem tenha a paciência e o amor suficiente para andar pelos montes atrás de 60 a 80 "Cabeças de Gado". Não é fácil ter que gerir um rebanho ao qual obriga o sacrifício diário sem direito a folgas faça sol, chuva ou neve. O lucro que advém do rebanho é hoje em dia tão insignificante que o melhor é mesmo arranjar um emprego na cidade ou como na maioria dos casos das aldeias (Castelões incluído) no estrangeiro.


Resta-nos assim recordar os belos tempos em que estes rebanhos pastavam pelas encostas das serras, vales, lameiros e como no caso desta foto no "restolho" das terras depois das ceifas.  A foto de hoje é um belo exemplo do que era guardar um rebanho de ovelhas, que normalmente consistia de muitas horas simplesmente a ver e ouvir o rápido ruminar dos animais com um ou outro berro pelo meio. "Chato" diríamos nos nos dias de hoje, mas muito saudoso e nostálgico se perguntarmos a qualquer individuo que se prezou por ser pastor.


Não menos importante que o rebanho eram os cães que os protegiam. Na foto mais uma vez podemos ver em primeiro plano o fiel amigo do homem bastante cansado por sinal e que acarinhadamente também ele guardava as ovelhas dos predadores que por norma geral eram os lobos. São muitas as historias dos encontros com os lobos, algumas mesmo trágicas que acabaram na perda de ovelhas e mesmo cães e que num futuro próximo vamos tentar trazer aqui ao blogue.


Para finalizar gostaria de em primeiro lugar agradecer mais uma vez há Rosa e toda a família Rente claro esta o envio da foto para o post de hoje, já que tiveram o cuidado e o tempo de atender ao nosso pedido de envio de fotos e que julgo eu ser tido tirada nas terras do "Bidoeiro" (talvez a Rosa possa confirmar). Finalmente gostaria de adicionar a dedicatória do post de hoje que vai com inteira justiça para a família Rente em França, também ela muito saudosa da terrinha em Portugal. Um grande abraço para vocês.

Publicado Por Aldeia de Castelões às 01:11

Link Do Post | Comentar | Adicionar aos Favoritos

●Mais Sobre Mim

●Pesquisar Neste Blog

 

●Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

●Número de Visitas

free html visitor counters
hit counter

●O Tempo em Castelões

Weather Forecast | Weather Maps

●Contactos


bogas.raul@hotmail.com
marrocos.7@hotmail.com
afcunha55@hotmail.com
jmg70@cox.net

●Links Favoritos

●Castelões no Youtube

Viva Castelões
Marcha de Castelões
Aldeia de Castelões
Pão Comunitário
Chegada da Procissão 2008

●Fotos no Flickr

www.flickr.com

●Arquivos

RSS